Fui conhecer o novo passeio de Maria Fumaça de Morretes para Antonina (ou vice-versa) no litoral do Paraná – o Trem Caiçara – e vou contar tudo aqui para vocês!

O que você vai saber neste artigo:

  • Dias de funcionamento do passeio
  • Como é o passeio: de onde sai, horários, duração e por onde passa
  • Quanto custa o passeio e como reservar
  • Curiosidades sobre a Ferrovia Maria Isabel e sobre o passeio de Maria Fumaça
Maria Fumaça Antonina Morretes
A charmosa locomotiva de 1884. Foto: Special Paraná

Quando o passeio de Maria Fumaça de Morretes para Antonina funciona?

Funciona sábados e domingos. Foi inaugurado há pouco tempo (21/11/20) e esperamos que lote com frequência para que em breve tenhamos também em mais dias da semana!

 

Como é o passeio de Maria Fumaça?

Local de saída: Estação Ferroviária de Antonina e Estação Ferroviária de Morretes

Horários: 

14h30 – Antonina / Morretes

16h00 – Morretes / Antonina

Duração do passeio: aprox. 50 a 60 minutos

Nostalgia pura no passeio de Maria Fumaça. Foto: Special Paraná

Por onde a Maria Fumaça passa?  

A Maria Fumaça passa pela área rural de Morretes e Antonina, atravessa rios e área de mangue. Você verá de perto o Mata Atlântica, tudo lentamente, ao ritmo dos tempos antigos. O trecho da Ferrovia Dona Isabel é de 16 km entre as duas cidades.

Como voltar para o local de saída? 

A passagem de Maria Fumaça inclui a volta de ônibus para o lugar no qual você embarcou, ou seja, para Morretes ou Antonina. O ônibus sai aprox. 15-30 minutos após a chegada do trem à estação de destino.

Interior de um dos carros de passageiros – nostalgia pura! Foto: Special Paraná

Quanto custa o passeio de Maria Fumaça e como posso reservar?

Os preços por pessoa incluem a passagem de Maria Fumaça de Morretes para Antonina (ou vice-versa) e a volta de ônibus.

De 13 a 59 anos: R$ 75

Acima de 60 anos: R$ 53

Criança de 6 a 12 anos: R$ 66

Criança até 5 anos (no colo): gratuito

Como reservar? Faça sua pré-reserva comodamente em nosso site. Para emitirmos as passagens, é necessário pagar antecipadamente. É possível parcelar em até 6x no seu cartão de crédito ou pagar por Pix ou transferência bancária.

>> Veja as opções e reserva sua passagem de Maria Fumaça aqui << 

Dúvidas ou prefere falar conosco antes de reservar? 
Segunda à sexta das 8h30 às 19h30: 41 3076-0743 ou 41 99102-4019
Whatsapp: 41 99935-7215

Special Paraná Turismo Receptivo – Rua Voluntários da Pátria, 262 sala 5 – Centro – Curitiba

 

Passear de trem é sempre divertido! Foto: Special Paraná

Saiba mais sobre a Maria Fumaça de Antonina para Morretes

A Ferrovia Dona Isabel foi inaugurada em 1892, sete anos após a Ferrovia Paranaguá – Curitiba. A proposta inicial era que a ferrovia principal fosse até o Porto de Antonina, mas a cidade acabou perdendo esta oportunidade. Entretanto, Antonina era uma cidade próspera e conseguiu que fosse construído o  trecho de 16 quilômetros que a ligaria à Morretes para se integrada à rede ferroviária existente.

O Trem Caiçara, nossa querida Maria Fumaça, tem hoje a seu serviço uma locomotiva americana construída em 1884! A primeira a ser comprada para a Ferrovia Paranaguá – Curitiba e que ficou a em circulação até a década de 1950. Depois, foi usada em passeios turísticos e também como trem do Natal em Curitiba. Hoje alegra a todos em um passeio nostálgico e charmoso.

Não espere conforto! Você verá como viajavam nossos antepassados – os carros de passageiros são da década de 1920. Bancos de madeira, janelas para olhar a paisagem e aquela nostalgia e ritmo lento do passeio de trem.

O restauro foi feito pela ABPF (Associação Brasileira do Patrimônio Ferroviário) e o trecho ferroviário foi restaurado pela Rumo, responsável pela administração da ferrovia.

As cidades de Morretes e Antonina são muito charmosas! Morretes é agitada, atrai milhares de pessoas todas as semanas para seus restaurantes e Antonina é tranquila, com lindas vistas para a baía.

As estações ferroviárias foram restauradas recentemente. A Estação de Morretes ganhou nova pintura e área de desembarque foi ampliada, agilizando o desembarque dos passageiros. Já Estação de Antonina ganhou exposições e um bistrô-café e está lindíssima! Vale a pena conferir e ver a exposição de fotos antigas lá!

Estação de Antonina – charmosa! Foto: Special Paraná
Open chat